Publicado por: vmantas | 3 de Janeiro de 2011

2011


Antes de mais, um Feliz 2011 para todos.

Este é sobretudo um ano em que devemos construir pontes, procurar servir sem procurar as luzes da ribalta. No fundo os Portugueses terão de encontrar formas de trabalhar em equipa.

Quantas vezes na escola e mesmo mais tarde ouvimos que alguém (talvez nós próprios) não gostamos de trabalhar em equipa? Frequentemente essa posição resulta de anos de más experiências. Dos típicos grupos em que um trabalha e os outros assinam. Será que não é esse o problema do nosso país – uns quantos trabalharem e os outros viverem do que esses produzem?

Agora ou caminhamos na direcção de um povo mais capaz de trabalhar em equipa (mesmo sem esquecer a competição saudável entre indivíduos) ou estaremos condenados a pagar a crise por muitos e maus anos.

Querem melhor espelho deste individualismo bacoco (longe do individualismo competitivo e que pugna pela qualidade pelo esforço de derrubar barreiras) do que que a blogosfera! Cada canto da internet portuguesa está cheia de aspirantes a ‘grandes líderes’, com mensagens dignas de um primeiro-ministro. Aliás até alguns monárquicos usam D. Duarte de Bragança não como seu líder mas como o veículo que reconhece o seu enorme valor! Em vez de servirem, mesmo que no anonimato, prouram ser eles os primeiros invertendo a lógica daquilo que supostamente defendem, ajudando a condenar o país a mais uns quantos anos de triste mediocridade.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: